Blog

Fique por dentro das notícias mais importantes

De acordo com o portal G1, o jovem brasileiro Leonardo Maestri Teixeira, co-fundador da GeneWEAVE Biosciences  vendeu a empresa cujo valor atingiu R$ 1,5 Bilhão. Ele fez doutorado pela Universidade de Cornell nos Estados Unidos como bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC).

A empresa da qual foi co-fundador realiza diagnósticos bacteriano de forma rápida. Inicialmente diagnóstico da tuberculose foi o primeiro foco, depois alterado para infecção hospitalar.

Entre 2010 e 2014, a empresa recebeu aportes que chegaram a USS 25 Milhões de dólares.

O caso dele me faz lembrar da jovem Carolina Reis, também formada no Brasil e que hoje está acelerando sua startup a OneSkin no Vale do Silício, onde está desenvolvendo um projeto de criação de pele humana em laboratório, assista a entrevista abaixo onde ela fala a respeito de sua jornada na Califórnia:

Para saber mais informações sobre nossos programas no Vale do Silício, clique aqui!

 missão vale

No comments yet