Blog

Fique por dentro das notícias mais importantes

As empresas de Alberta – província no Canadá – que querem ganhar uma posição no Vale do Silício de alta tecnologia agora têm um representante na Califórnia.

De acordo com informações extraídas do portal canadense “Financial Post”, o ministro do Comércio, Deron Bilous, disse que o governo contratou uma firma de Alberta que tem uma ligação em São Francisco.

Resultado de imagem para alberta foto

Ao mesmo tempo, Joanne Fedeyko, CEO da Conecction Slicon Valley, diz que a chave para abrir as portas na Califórnia é a realização de reuniões presenciais.

Isso é algo que ela diz que pode oferecer em sua empresa.

Visto a sua experiência com a indústria de tecnologia naquele estado.

A província de Alberta/Canadá está pagando à empresa de investimentos Fedeyko e Alberta, a JPC Corp., o valor de:

US $ 900 mil nos próximos três anos para fornecer o serviço chamado “Connection Silicon Valley”.

O que são esses serviços para Alberta/Canadá?

Esses serviços podem ser acessados ​​gratuitamente pelas empresas de Alberta.

E o projeto também trabalhará para trazer dinheiro de investimento do Vale do Silício para a província.

Além disso, o governo lançou uma série de iniciativas para impulsionar o setor de tecnologia de Alberta.

Isso significa:

  • diversificar a economia
  • incluir créditos fiscais 
  • espaços mais dedicados em escolas pós-secundárias.

“Precisamos fazer mais para ajudar os inovadores de Alberta a acessar os bilhões de dólares em investimentos potenciais para comercializar e expandir”, disse Bilous (informações extraídas do Financial Post)

Consequentemente, o governo considera que agora há a presença em Alberta no Vale do Silício. 

Fedeyko disse que as conexões são críticas no cenário de vendas altamente competitivo.

“Você pode imaginar que todas as agências de desenvolvimento econômico do planeta estão tentando acessar essas empresas”, disse Fedeyko.

Impulsionando empresas iniciantes

A empresa também afirmou que é fundamental que as empresas iniciantes venham pessoalmente para realizar reuniões. 

E construir suas redes também.

“Acho que as empresas devem descer a cada seis semanas se quiserem construir uma rede significativa”, disse a empresa

Além de acrescentar que “o Vale realmente quer que você esteja lá e participe.”

Como resultado, a província tem fortes laços econômicos com a Califórnia.

Ao mesmo tempo, possui US $ 1,8 bilhão em importações no ano passado e mais de US $ 2 bilhões em exportações.

O que você pensa sobre o incentivo do governo e parcerias para se aproximar do Vale? Conta para gente!

Sobre a IIN 

Além disso, você gostaria de conhecer como funcionam missões de negócios?

Os empresários que levarem acompanhantes recebem condições especiais.

Paralelamente, é possível também escolher missões personalizadas para as empresas brasileiras, caso o interesse seja levar a equipe de trabalho.

Por outro lado, para aqueles que não falam inglês, a IIN garante 70% das atividades em português.

E os gestores do programa sempre estarão por perto acompanhando as visitas.

A equipe da IIN oferece mais informações a respeito das missões em seu sitehttp://missaonovaledosilicio.com.br.

 

 

Imagens: Reprodução

Fonte: Financial Post, clique aqui.

No comments yet